Sou espasmo e te desato por completo
dos limites da tragédia.

Ondulo em suspensão, achada a força,
e arrimo, triste, o nosso ímã.

Ora no cais, ora na fuga do hospício.
Arrasta, miúda, é sumo.

Alma de lisura, sempre só.
Asceta.

Erra na dor, topou,
agora pó.

Anúncios