Ambulou, céus, ambulou.
Provou de esquinas tensas,
caducou, morreu,

………..Não! Morreu sem alegria!
………..Capanga d’agonia!
………..Refazer: mais brilho.

Ambulou, de si sonâmbulo,
fiel ao sonho UM
– anterior às máquinas.

………..Melhorou mas achei frouxo
………..luddificar a dor.
………..Refazer: coragem.

Ambulou, raios, vai agora
pra longe do meu poema.
Caduca tu, morre.

………..Eis meu caso, Meritíssimo.
………..O homem é perigo
………..se querendo trova.

Anúncios